Atualmente, vídeos de produtos são essenciais no comércio eletrônico. Eles trazem storytelling à vida, mantem os visitantes informados, ajudar a responder perguntas mais comuns de compradores, e mais importante ainda, influencia positivamente a experiência do cliente.

Nota do Editor: Temos o prazer de apresentar este quest post por Miljana Mitic. Miljana é o Gerente de Marketing de Conteúdo na Goodvidio, uma solução SaaS que ajuda lojas online a trazerem os melhores vídeos de produtos de mídia social para as suas páginas de produtos. Miljana é PhD em marketing de mídia social e escreve sobre comércio visual, vídeos de produtos e geração de conteúdo para o comércio eletrônico.

Imagine o seguinte. É primavera. Você decidiu tentar um novo esporte e a caminhada surgiu como opção. Você busca comprar novos equipamentos desportivos para a seu mais novo passatempo favorito, mas você sabe pouco sobre o tipo de tênis, jaqueta, ou dispositivos que você vai precisar.

Você, então, começa a pesquisar online. Realiza buscas em lojas especializadas neste meio e acaba descobrindo novas marcas. Você lê a descrição dos detalhes do produto e visualiza as fotos, mas, em seguida, decide visitar o YouTube para verificar como esses produtos funcionam na vida real e o que os outros aficionados por caminhada dizem sobre as marcas, tênis e gadgets.

Mas não seria mais fácil se a loja online que você visitou no início de sua jornada fornecesse todas essas informações, para que você não tivesse que rodar a web em busca de sites de marcas, avaliações no YouTube e conteúdo gerado por usuários? Isso poderia certamente tornar a experiência mais completa e você estaria pronto para fazer uma compra de forma muito mais rápida.

Criar uma experiência perfeita ao cliente dentro do site é a principal meta de cada comerciante de e-commerce. Você quer fazer da navegação em seu site fácil e intuitiva, reduzir os atritos e as taxas de retorno, e fazer visitantes gostarem de completar uma compra. De certa forma, você quer que os visitantes se sintam completamente imersos na experiência, assim como quando eles visitam sua loja física, mas com todo o conforto e conveniência que as compras online têm para oferecer.

Há muitos elementos que compõem uma excelente experiência online de um cliente, de navegação intuitiva e boa visualização dos itens da loja à uma compra fácil. Neste post vamos nos concentrar em um elemento que muitas vezes fica esquecido no comércio eletrônico, mas significa muito para os clientes. Esse elemento é vídeo de produto.

Benefícios dos vídeos de conteúdo no e-commerce

Atualmente, vídeos de produtos são essenciais no comércio eletrônico. Eles trazem a história da marca para o convívio, mantem os visitantes informados, ajudam a responder as perguntas mais comuns de compradores, e o mais importante, influencia positivamente a experiência do cliente.

O vídeo também pode ser um aliado poderoso para responder às perguntas e preocupações dos clientes assim que eles entram em sua página.

Considere:

  • Quatro vezes mais consumidores preferem assistir um vídeo de um produto do que ler uma descrição dele.
  • 73% dos consumidores estão mais propensos a comprar produtos depois de assistir vídeos do que ao mostrarem eles em funcionamento.
  • Clientes que assistem vídeos de produtos são quase 1.9 vezes mais propensos a completar as suas compras online.
  • Duração média da sessão de visitante aumentam em 340% nas páginas de produtos que apresentam vídeos e os compradores navegam 127% mais nas páginas por sessão de compras quando se deparam com vídeos em loja de e-commerce.
  • 52% dos compradores dizem que assistir a vídeos de produtos torna-os mais confiantes sobre suas compras.

Em outras palavras, se você estivesse comprando peças para caminhada online, os sites de comércio eletrônico que apresentam vídeos de produtos que falam sobre a marca, mostram as características do produto e dão dicas e conselhos práticos de funcionamento teriam chance muito maiores de ganhar você como um novo cliente. Você se sentiria muito mais informado e confiante sobre suas escolhas, e iria se estressar menos sobre o produto e se concentrar mais na tarefa à sua frente, como sua subida e descida de colinas e montanhas!

Agora vamos dar uma olhada em alguns exemplos do uso correto de vídeos em sites de e-commerce.

Como 5 marcas estão usando vídeos de produtos em seus sites de e-commerce

1. Utilizar vídeos para contar a história da sua marca

Quando os visitantes entram em seu site pela primeira vez, eles estão à procura de pistas sobre o que torna a sua marca especial e diferente de todas as outras. Isso, sem falar que o visual desempenha um papel poderoso aqui. Não existe talento e característica que possa transmitir a sua história com a mesma intensidade que o visual faz. Vídeo é especialmente útil em facilitar o storytelling.

Vamos voltar ao nosso exemplo da caminhada. Pegue o exemplo da Arc’Teryx, uma marca especializada em vestuário e equipamentos de alpinismo. Assim que você entra no site, você é recebido com um impressionante vídeo em tela cheia com um botão de reprodução que implora para ser clicado.

Ark'Teryx

Um exemplo do uso de vídeo para contar história da marca da home page da Ark’Teryx

Eu mesmo não sou uma pessoa muito ao ar livre, mas eu tenho que dizer que, ter assistido esse vídeo, assim que entrei no site, me fez sentir que eu entendi a marca por trás dele e queria me tornar parte da comunidade. Isso uma forma poderosa de atrair visitantes e levá-los a conhecer seus produtos!

2. Utilize vídeos de produtos para converter os visitantes

Uma vez que os clientes acessam seu site de e-commerce, o seu principal objetivo é orientá-los a fazer uma compra. Da navegação inteligente do site ao design elegante e funcional da página do produto o truque é, manter os clientes focados no que eles vieram fazer. Lembre-se, meros 0,25% dos novos visitantes ao seu site irão ser atraídos em sua primeira visita. A conquista é um jogo de chamar atenção e manter o foco no desejo de um produto, assim todos os elementos devem estar ajustados para alcançar eles, incluindo os vídeos.

Dê uma olhada na página de produtos na Essie.com. A marca de cuidados com as unhas sabe que na indústria de varejo deste setor, o design de unhas é muitas vezes um gatilho de compra mais poderoso do que as cores por si só. Em outras palavras, são as possibilidades de aplicação, e não somente a cor que impulsiona a atração. É por isso que a marca incorpora vídeos que falam com os clientes assim que entram no site. Quando o cliente clica sobre a cor específica do produto, um pop-up aparece dando mais detalhes do produto, apresentando vídeos e fotografias que demonstram os desenhos que podem ser criados usando essa cor específica.

Um exemplo de Nothing Else Metals usando um vídeo do produto para atrair o visitante

Um exemplo de Nothing Else Metals usando um vídeo do produto para atrair o visitante

Os vídeos são colocados logo abaixo da foto principal produto e são difíceis de não serem percebidos. Uma vez que o visitante pressiona o botão play, o vídeo ocupa a tela e atua como o principal ponto de persuasão levando os visitantes a clicar em “comprar este modelo”, e o item será automaticamente adicionado à cesta de compras. De certa forma, o vídeo leva a tomada de decisão de compra.

Um exemplo do uso de vídeos de demonstração do produto para atrair o visitante

Um exemplo do uso de vídeos de demonstração do produto para atrair o visitante

Esta é uma tática inteligente na utilização do vídeo para convencer os visitantes a comprar on-line produtos de baixo preço, que também são comumente disponíveis através de outros canais, como lojas físicas. Pesquisas dizem que, depois de assistir a vídeos, os consumidores estão entre 64-85% mais propensos a comprar um produto, e isso pode criar uma grande diferença no aumento das vendas para empresas de varejo e-commerce.

3. Utilize vídeos do produto como um vendedor virtual

Os consumidores que não se sentem muito à vontade com compras online, muitas vezes dizer que o que os coloca distantes de comprar determinados produtos na web é a incerteza de compras online e da falta de interação humana que poderia ajudar a mediar a compra. Este é o lugar onde vídeos dos produtos podem ser de grande ajuda. E não estamos falando de uma relação futurista que você utiliza vídeo para se comunicar com um vendedor online remotamente. É bem mais simples que isso.

Tome Riddell como exemplo, uma empresa especializada em equipamentos de futebol americano. Sabendo que não será fácil convencer os clientes a comprar itens como capacetes profissionais ou ombreiras online, a marca utiliza vários vídeos de produtos nos detalhes da página do produto para ajudar a explicar, educar e demonstrar tudo o que há para saber sobre seus produtos. A galeria de vídeos inclui vídeos de apresentação do produto, como usar, e vídeos de demonstração de como os produtos são ajustados e desenvolvidos para a segurança dos jogadores.

Um exemplo da Riddell utilizando videos de produtos como vendedor virtual

Um exemplo da Riddell utilizando videos de produtos como vendedor virtual

É extremamente importante para os compradores on-line ter todas as informações disponíveis em um formato fácil de seguir e entender. Com vídeos no próprio site eles não terão que gastar tempo e esforço para visitar uma loja física ou procurar conselhos no YouTube.

Voltando ao exemplo da Arc’teryx, os visitantes podem encontrar vídeos úteis sobre o produto na página de detalhes que falam sobre assuntos tais como o que faz com que seu tecido seja excepcional em termos de qualidade, bem como a forma de cuidar deles durante a lavagem e secagem. Estes são questionamentos que os compradores normalmente fazem ao vendedor em uma loja física, assim, ter vídeos que antecipem estes tipos de perguntas e respondê-las faz com que as compras online sejam menos incertas e faz com que os clientes vejam os canais de vendas online de uma forma mais séria.

Um exemplo de vídeo com foco em responder a perguntas comuns

Um exemplo de vídeo com foco em responder a perguntas comuns

4. Adicionar vídeos de usuários para experiências confiáveis e autênticas

Às vezes, vídeos de produtos da marca, mesmo que feitos profissionalmente, não são suficientes para atrair os visitantes. Os consumidores estão cada vez mais sarcásticos em relação a conteúdo de produtos excessivamente polido e estilizado, e estão buscando autenticidade e sinceridade das marcas nas apresentações dos produtos.

Este é o lugar onde vídeos de produtos gerados por usuários vem a calhar. 51% dos compradores nos EUA dizem confiar mais em UGC (conteúdo gerado pelo usuário) do que qualquer outro conteúdo em um site da empresa. UGC é uma poderosa força influenciadora por 80% dos compradores Millennials (nascidos após 1982) e 70% dos compradores Baby Boomer (nascidos entre 1946-1964).

Marcas mais experientes já estão no topo desta tendência e estão adicionando vídeos de produtos gerados por usuários em suas páginas de e-commerce com o objetivo de se destacar da concorrência, envolver os visitantes e aumentar as vendas.
Vejamos Tassimo do Reino Unido, por exemplo. Seu site de comércio eletrônico apresenta uma boa lista de vídeos criados por consumidores de mídias sociais nas páginas do produto de máquinas de café e bebidas. Vídeos gerados por usuários oferecem opiniões imparciais dos clientes que realmente gostaram dos produtos e ajudam a criar uma interação mais íntima e profunda com a marca online.

Um exemplo de vídeos gerados por usuários da Tassimo

Um exemplo de vídeos gerados por usuários da Tassimo

Depois de assistir a esses vídeos, os clientes têm uma melhor compreensão de como os produtos funcionam na vida real e se sentem mais confiantes no produto que eles estão prestes a comprar.

5. Otimizar vídeos para uma fácil experiência de compras pelo celular

As possibilidades existem, você já comprou um ou dois itens através do seu smartphone ou ao menos buscou sites de e-commerce a partir de um dispositivo móvel enquanto pesquisava sua próxima compra.

Compras através de smartphones responderam por 29,7% de todas as vendas de comércio eletrônico nos EUA em 2015 e vai continuar crescendo. Otimizar a experiência de compras para os usuários móveis é crucial para permanecer relevante. Isso inclui cuidado com a adequação dos vídeos de produtos para dispositivos móveis também.

Um bom exemplo que ilustra isso é o da Adidas. A versão mobile do site e-commerce da marca incorpora o design ágil que permite a navegação suave e uma experiência sem igual. Os vídeos de produtos não são cortados para caber na tela do celular, mas são exibidos corretamente e prontos para visualização. O que é ainda mais atraente é o botão “adicionar a sacola” que segue o usuário à medida que navega através do conteúdo visual e dá um sinal de que o site é preparado para compra e antecipa a sua ação. Isto dá aos vídeos de produtos muito mais poder para conseguir clientes no ambiente móvel.

Um exemplo da Adidas em como otimizar videos para plataforma mobile

Um exemplo da Adidas em como otimizar videos para plataforma mobile

Considerações Finais

A otimização das vendas no e-commerce não é fácil, e requer grande atenção aos detalhes para todos os elementos que compõem uma jornada de compras online. Através dos exemplos acima, você pode aprender muito sobre o que faz de os vídeos de produtos ter valor inestimável para o envolvimento do cliente e suas vendas, e como fazê-lo direito para garantir a experiência sem compromisso de compra online. Tente incorporar algumas dessas dicas em seu site de comércio eletrônico, execute testes A/B, e veja o que funciona e o que não funciona no seu caso.

Deseja mais informações? Preencha os campos abaixo: